EM QUE CONSISTE A APMO?

A Academia Portuguesa de Medicina Oral foi criada em 1991 com o objectivo de melhorar os cuidados de saúde no campo da medicina e patologia orais em Portugal.

Esta é uma área de especial competência dedicada à saúde e às doenças da cavidade oral e da região perioral, incluindo as doenças malignas, as manifestações orais de doenças sistémicas , o tratamento médico e cirúrgico destas situações, e ainda a prestação de cuidados de saúde oral aos doentes medicamente comprometidos.

PORQUÊ ACADEMIA?

Tendo como ponto de partida o meio académico e daí não se chamar “associação” mas sim academia, a APMO procura também:

  • Promover a educação pré e pós graduada no campo da Medicina Oral, bem como a investigação científica em actividades próprias e junto das instituições, associações profissionais e da industria.
  • Estimular o intercâmbio da informação científica
  • Levar ao conhecimento dos departamentos governamentais e outras instituições oficiais a importância da Medicina Oral para a saúde oral e sistémica e promover o reconhecimento, prevenção e tratamento das doenças orais

DIRECÇÃO DA APMO

Presidente: António Mano Azul
Vice-Presidente (Região Norte): Rui Amaral Mendes
Vice-Presidente (Região Centro): Pedro Trancoso
Vice-Presidente (Região Sul): Filipe Freitas
Secretário: João Tiago Ferreira
Tesoureiro: Pedro Pestana
Vogal: Luis Monteiro
Vogal: Miguel Pereira
Vogal: José Silva Marques

ASSEMBLEIA GERAL DA APMO

Presidente: Filipe Coimbra
Secretária: Ana Jácome
Secretária: Otilia Lopesa

CONSELHO FISCAL DA APMO

Presidente: José Pedro Figueiredo
Vogal: Rita Montenegro M. Azul
Vogal: Rui Albuquerque

ESTATUTOS DA APMO

 Clique aqui para fazer o download

REVISTA CIENTIFICA ADOPTADA DA APMO

www.medicinaoral.com

ASSOCIAÇÕES EUROPEIAS E INTERNACIONAIS

www.eaom.eu | www.semo.es | www.aaom.com